.

Como transformar seu negócio na era digital

Desde que Steve Jobs apresentou em janeiro de 2007 um novo modelo do iPhone ao mundo, muita coisa mudou no smartphone. Até aquele momento, o aparelho não era compatível com redes 3G e sequer tinha capacidade de gravar vídeos, enquanto o novo modelo não só passou a usar redes 4G como também possuía estabilização ótica de imagem para vídeos. O consultor e professor Stefan Ligocki, considera esse momento um divisor de águas, com o final da era industrial e a afirmação da era digital.

Na palestra “Empreendedorismo 4.0 – Como reinventar sua carreira ou seu negócio na era digital”, que ocorreu durante o Bom Dia Associado, promovido pela Associação Comercial de Porto Alegre nesta quinta-feira, 21, Ligocki disse que as empresas precisam se conscientizar que a era digital já é uma realidade. “A vantagem é que hoje qualquer pessoa pode criar seu home office e tornar-se um empreendedor, com orçamento praticamente zero.”

Segundo ele, muitos empreendedores de primeira viagem entram nas redes sociais e não têm o retorno esperado. “O importante é não desistir na primeira dificuldade e repensar a estratégia. Definir o diferencial e voltar ao mercado.”

Ligock entende que as redes sociais são um meio e não um fim. “Tem que se assertivo e ter um conteúdo relevante.” Ele ressalta a produção de vídeos no canal do You Tube. Em 2014 os usuários passavam uma média de 8,1 horas por semana grudados à plataforma, hoje eles dedicam 19 horas semanais para o site: um aumento de 135%. Em comparação, a TV cresceu apenas 13% no mesmo período, partindo de 21,9 horas para 24,8 horas por semana em 2018.