.

Diversidade melhora o desempenho financeiro das empresas

Diversidade é mudar o olhar, enxergar o mundo de forma diferente, com a ampliação da consciência, aceitar pessoas com outras experiências, inclusive orientação sexual, conforme Ana Carolina Tavares Torres, executiva jurídica, mestre em Direito e Sociedade e presidente da Comissão da Advocacia Corporativa da OAB/RS. Ela foi a palestrante no Bom Dia Associado, promovido pela Associação Comercial de Porto Alegre, nesta quinta-feira, 22/08, com o tema “Diversidade, a riqueza das relações”.

Ana Carolina ressaltou a diferença entre inclusão, que é chamar para dançar, e diversidade, convidar para a festa. “A diversidade é boa para os negócios, incentiva o respeito pelas forças individuais, aumenta a capacidade de inovação do grupo e melhora o desempenho financeiro da empresa”, acrescentou.

Ela citou o estudo da McKinsey & Company, sobre diversidade no local de trabalho como alavanca de performance, que reafirma a relevância universal do vínculo entre diversidade – definida como uma maior proporção de mulheres e uma composição étnica e cultural mais variada na liderança de grandes empresas – e performance financeira superior. Um relatório publicado em 2018 pelo Fórum Econômico Mundial prevê que ainda serão necessários mais de dois séculos para se alcance a igualdade entre homem e mulher no mundo do trabalho.

A mudança nas empresas, conforme Ana Carolina, deve começar por um posicionamento de cima para baixo da diretoria, uma estratégia que promova a segurança psicológica e a conscientização da equipe.