O ano de 2020 foi desafiador. O primeiro demonstrativo de que algo muito diferente estava por vir ocorreu em março, quando a Associação Comercial de Porto Alegre iniciou as primeiras medidas de combate à COVID-19 com uma campanha interna de prevenção, intensificando a higienização dos ambientes, áreas de uso comum e controle no fluxo da circulação de pessoas. Sem ter ideia do que estava por vir, as medidas tiveram um único objetivo: preservar vidas.

A partir da decisão do Governo Estadual de suspender as atividades econômicas, a Associação Comercial desenvolveu uma série de vídeos orientativos para auxiliar seus associados e a sociedade em geral no entendimento das medidas provisórias sancionadas pelo Governo Federal.

Sem data para uma retomada, o trabalho desenvolvido pela Associação Comercial foi intensificado de forma a apoiar, auxiliar e defender a preservação das atividades econômicas em equilíbrio com a saúde da população, em meio ao cenário desconhecido da pandemia da COVID-19. Para isso, a ACPA lançou uma ação denominada “A Voz de Porto Alegre”, que reuniu as reinvindicações de empresários e foi entregue ao presidente da Câmara Municipal, Reginaldo Pujol. O documento visava contribuir com as estratégias de enfrentamento da crise no segmento empresarial.

Cuidar das pessoas também esteve nas ações executadas pela Associação Comercial. As instituições Asilo Padre Cacique e Fundação Pão dos Pobres receberam doações de alimentos originários da entidade. Outra ação desenvolvida foi a campanha “Abertura da Economia: Com responsabilidade, dá!”, que defendeu a necessidade da reabertura do comércio para a sobrevivência das empresas. A ação vinha na tentativa de evitar que milhões de pessoas ficassem desempregadas, e que empresários tivessem condições mínimas de manter seus negócios.

De acordo com o presidente da ACPA, Paulo Afonso Pereira, toda a diretoria desenvolveu um trabalho estratégico de muita dedicação. “Houve semanas em que trabalhamos direto, em reuniões online nos finais de semana. Um trabalho em defesa da produtividade da nossa cidade”, destacou.

Paulo Afonso ressaltou ainda as inúmeras reuniões com os gestores municipais e estaduais, além dos encontros virtuais com outras entidades empresariais, que juntas potencializaram suas representatividades perante os gestores públicos e obtiveram importantes conquistas, como a primeira flexibilização das atividades econômicas em Porto Alegre. As reuniões também foram essenciais para que cada segmento pudesse sugerir protocolos de funcionamento de acordo com cada área de atuação, possibilitando, assim, preservar vidas e empresas.

Outra ação desenvolvida pela ACPA foi em parceria com o Porto Alegre e Região Metropolitana Convention & Visitors Bureau, a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel/RS) e a Associação do Comércio do Mercado Público Central de Porto Alegre (Ascomepc) em apoio ao segmento de bares e restaurantes, mas que foi extensiva a todo o segmento comercial. A finalidade foi estimular o consumo nos estabelecimentos de forma organizada, responsável e consciente.

Ciente do seu compromisso de apoiar e incentivar o empreendedorismo das mais variadas formas e de amparar seus associados, a ACPA firmou uma parceria com o SICOOB – Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil, que disponibilizou uma linha de crédito exclusiva para microempresas associadas à Associação Comercial. “Fomos em busca dessa parceria por entender que temos o compromisso de oportunizar condições para que os empresários possam manter seus negócios, e com isso fazer a economia girar”, ressaltou o Presidente da ACPA.

Acontecimentos internos importantes também marcaram o ano da Associação Comercial. Nesse ano, aconteceram as eleições para a nova diretoria da entidade. Por unanimidade, a atual gestão foi reconduzida pelo terceiro mandato à frente da ACPA. O empresário Paulo Afonso Pereira foi reposicionado ao cargo junto com uma renovação na composição da diretoria.

Igualmente, a Associação Comercial de Porto Alegre, através do trabalho desenvolvido pelo subgrupo de Comércio e Relações Internacionais da entidade, foi cenário para a realização de uma série de reuniões com representantes de países do Mercosul e parceiros internacionais para futuros negócios.

A ACPA deseja continuar trabalhando e contribuindo para o desenvolvimento da nossa cidade. Que venha 2021, com novas oportunidades, desenvolvimento e saúde econômica e social.

Publicado em: 23 de dezembro de 2020

Compartilhar:

Recomendados:

25 de fevereiro de 2021

Presidente da Câmara de Vereadores participa do MenuPOA

A Associação Comercial de Porto Alegre (ACPA) realizou a primeira edição [...]


Ler mais
25 de fevereiro de 2021

Dirigentes e presidente da ACPA se reúnem com prefeito e secretários municipais

O presidente da Associação Comercial de Porto Alegre, Paulo Afonso Pereira, [...]


Ler mais
25 de fevereiro de 2021

As projeções do “The Economist” na análise de um economista

A pandemia mostrou que prever algo depende de vários fatores muitas vezes [...]


Ler mais