Na semana em que o Governo Estadual anunciou auxílio emergencial próprio no valor de R$ 130 milhões focado principalmente na população carente e no setor de alojamento e alimentação, o setor de Turismo não foi contemplado no projeto, que será encaminho para votação na Assembleia Legislativa.

Para a diretora do Grupo Cisne Branco e presidente do Porto Alegre e Região Metropolitana Convention & Visitors Bureau, Adriane Hilbig, as incertezas geradas pelo atual cenário estão dificultando o desenvolvimento de um plano de ação para o setor. “O Turismo, Cultura e Eventos são as áreas mais afetadas desta pandemia, pois além de serem consideradas atividades não essenciais, são vistas inclusive por governantes como vilãs da pandemia. O setor encontra-se paralisado. Não há como planejar, pois não há certeza de nada”, afirmou a empresária.

A falta de perspectiva e a ausência de ações por parte dos gestores públicos que consigam auxiliar minimamente o setor fizeram com que empresários migrassem para outras atividades temporariamente enquanto aguardam a retomada. De acordo com Adriane, muitos estão usando recursos próprios para empreender, financiamentos em instituições bancárias, negociações de compromissos financeiros e trabalhando em atividades paralelas para sobreviver.

A empresária acredita que os recursos financeiros são importantes, mas estes segmentos precisam de um plano de retomada conjunto entre o setor público e privado. “As ações ainda estão sendo muito individuais, apenas de algumas entidades ou empresas. Enquanto não houver uma união, sem egos de entidades, promovendo ações de combate e retomada, continuaremos ‘patinando’”, desabafou Adriane.

A iniciativa privada tem buscado estar presente. A presidente do Porto Alegre e Região Metropolitana Convention & Visitors Bureau comentou sobre o grupo de retomada do Turismo do Rio Grande do Sul, que tem se mobilizado e conquistado avanços. “O grupo teve algumas conquistas em termos de sugestões de melhorias do modelo de distanciamento controlado, onde participam empresários e prefeitos, vereadores de diversas cidades do Estado e várias entidades de classe”, destacou.

Ainda no desenvolvimento de ações para o enfrentamento da pandemia pelo setor, a empresária enfatiza o apoio do Sebrae. “O Sebrae tem participado muito destes movimentos de apoio ao setor. O Grupo Live Marketing, juntamente com os Conventions Bureau, também está à frente do Governo apresentando projetos de auxílio financeiro para as empresas do segmento”, reconheceu a presidente do Porto Alegre e Região Metropolitana Convention & Visitors Bureau.

A prorrogação para o pagamento de tributos como ajuda aos empresários de Turismo, Cultura e Eventos, é também considerada essencial por Adriane. “Repassar o pagamento dos tributos de agora para daqui a seis meses é muito bom, porém não se sabe como a situação estará mais adiante”, observa, descrevendo o cenário: “O empresário que buscou um financiamento ano passado para combater a crise em função da pandemia não imaginou que haveria a segunda, a terceira onda. Ele já precisa pagar a sua dívida, pois a carência terminou”.

Tudo leva a um raciocínio: a necessidade de ações que caminhem juntas com a parte financeira. “Precisamos de projetos de retomada, como o que fazer e como fazer, em ações conjuntas do poder público e iniciativa privada, divulgação do destino, das potencialidades, do que estamos fazendo para combater a crise. Não podemos esconder nossas ações. Precisamos mostrar e divulgar”. E finaliza: “Caso contrário, só aparecerão notícias que em Porto Alegre e no Rio Grande do Sul a crise está descontrolada”.

Publicado em: 1 de abril de 2021

Compartilhar:

Recomendados:

15 de abril de 2021

Um Rio Grande do Sul que caminha à integridade

Evidenciando a crescente discussão acerca da temática de Integridade no [...]


Ler mais
15 de abril de 2021

De Brasília, Alexandre Garcia para o MenuPOA Online

A edição de abril do tradicional MenuPOA Online, realizado na última [...]


Ler mais
15 de abril de 2021

Programa para refinanciamento de dívidas é encaminhado à Câmara

O prefeito Sebastião Melo encaminhou à Câmara de Vereadores o projeto de [...]


Ler mais